domingo, 3 de abril de 2011

Cada escolha é uma renúncia

É muito com o que lidar e o tempo é um recurso limitado. Daí é necessário fazer escolhas.

Havia deixado o FdG em suspenso na esperança de que ele voltasse a ser naturalmente prioritário para mim. Mas não voltou. E eu senti a necessidade de fazer um fechamento, o encerramento de um ciclo muito importante para mim. Começado em 2006, encerra-se agora em 2011 sem melancolia sem agonia mas com muito orgulho e com a devida nobre importância. Expus idéias e escrevi aqui como nunca pensaria uma vez ter podido, logo eu que sou uma pessoa tão visual. Partilhei idéias com gente tão interessante. Alguns continuarão por perto, outros entrarão para a minha memória, já que não poderão ser esquecidos. Eu mudei e muito do que eu sou foi descoberto em posts dispersos aqui e ali. O FdG me ajudou a suportar mudanças de vida, de país, perdas, ganhos, partidas, chegadas, entender sentimentos e endireitar coisas tortas.

Mas é necessário tomar uma decisão e daí eu fecho o FdG a partir de hoje. Forte abraço a todos. Até breve.

"Pour tous ceux qui ont peur, qui sont solitaires ou malhereux, le meilleur remède est à coup sûr de sortir, d'aller quelque part où l'on sera entièrement seul, seul avec le ciel, la nature et Dieu. Car alors seulement, et uniquement alors, on sent que tout est comme il doit être et que Dieu veut voir les hommes heureux dans la nature simple, mais belle." Anne F.