sábado, 7 de agosto de 2010

Na sua cara


Morrissey é o artista que melhor inventa títulos para suas canções. Aqueles títulos enormes, habitualmente irônicos, que nos deixa com meio sorriso no final. Renato Russo também tinha a mesma linhagem. Por vezes, é um tapa na cara, outra vezes é um escárnio absoluto pela raça humana, apertando o dedo dolorido e esfregando na nossa cara os nossos sentimentos mais escondidos. Porque eles são intuitivos embora socialmente indesejáveis. Existem algumas pessoas que ousam usar este fato. Algumas de uma forma construtivamente criativa. Outras, no lado negro da força, transformando em verdade o texto da foto acima.


Um comentário:

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.