sexta-feira, 11 de setembro de 2009

You deserve to be kept in the dark

... enquanto você, você alimentou este meu comportamento. Não. Nunca quis ser exatamente assim. Não. Não sou assim. Não. Não me comporto usualmente assim. Você conseguiu tirar o pior de mim, o meu pior discurso, as minhas piores ações. Sei que sou cúmplice por permitir este estado de coisas e isto é o que mata. Agora você vai embora. Agora você me deixa aqui, sem chances de retomar o fio da meada e consertar o que ficou para trás. Resta-me olhar este arremedo de relação e tentar esquecê-lo. Ainda bem que não sou nem budista nem espírita porque com certeza seria o karma mais mal resolvido da minha vida. Nem pensar ficar reencarnando e passando por tudo de novo até resolver tudo. Se você já merecia, pois bem, você acabou me deixando no escuro.

3 comentários:

Dri Viaro disse...

Oi passei pra conhecer seu blog, e desejar bom fds
bjsss

aguardo sua visita :)

vanessa ponzi disse...

as vezes me sinto exatamente assim! adoro seus textos..;)
bjs

Fernanda S. disse...

Que inferno, não? Tem gente que vem descontruir nosso castelinho e deixa os tijolos todos espalhados...
Não sei se tem uma explicação pra isso, pois até hoje não achei nenhuma plausível... mas, talvez devamos nos conformar, até certo ponto, com o famoso "tinha que ser assim"...

Beijos, querido =)