sexta-feira, 22 de maio de 2009

Agora não, agora sim

Objetos brilhantes distraem a minha atenção. Enquanto os sigo com os olhos, esqueço todos os incômodos do dia. Trials and tribulations ficam para trás, neutralizados ou anestesiados. Quando a bateria falha e o brilho começa a piscar a enfraquecer a apagar, então toda a angústia é relembrada. Não que ela tenha sido aniquilada anteriormente e depois retorne das cinzas. Ela simplesmente nunca deixou de existir, só ficou ali - quietinha, esporulada, latente - pronta para aparecer novamente num momento de trevas.

3 comentários:

Fernanda S. disse...

E quando você menos espera, ela aparece novamente...
É praticamente igual à minha ansiedade... eu sempre penso que ela sumiu quando, na verdade, numa pequena distração, ela não apareceu, mas sempre ficou ali esperando o melhor momento para voltar!!!

Beijos, querido! =)

Caco disse...

Será que a gente é doido?

Fernanda S. disse...

Acho que não... seríamos doido se não tivéssemos esses ataques estranhos... hehehe