sábado, 13 de dezembro de 2008

Da força e da fraqueza

Uma das coisas que aprendi esta semana é que é da natureza humana ter compaixão pelos que aparentam ser fracos. Mesmo que sejam uns bastardosfilhosdaputacanalhas. E que os mais fortes, mesmo certos e justos, devem padecer da dúvida sobre seus interesses por ter um força tão esmagadora (aparentemente). E eu aprendi isto assistindo A Favorita, numa conversa entre o finado Gonçalo e Donatella.

2 comentários:

Flavia Melissa disse...

HAHAHAHAHAHAHAHA

pronto, o caco pirou!

Caco disse...

Pois é. Surtei daí.