domingo, 3 de junho de 2007

Num dia de domingo

Esfreguei meus olhos e empurrei o edredom. A lâmpada tinha ficado acesa durante a noite depois que li até tarde o livro que você me deu ou porque ainda tenho medo do escuro, sei lá. Aviões voavam mais baixo por causa das nuvens hoje cedo e eu pensava se tudo valia a pena.

Bows and flows of angel hair and ice cream castles in the air and feather canyons everywhere, I've looked at cloud that way. But now they only block the sun, they rain and snow on everyone. So many things I would have done but clouds got in my way. I've looked at clouds from both sides now: from up and down, and still somehow it's cloud's illusions I recall. I really don't know clouds at all.

As crianças estavam no colo dos pais. As meninas com os pais, os meninos com as mães. Os menores de todos dormiam. E os casais os levavam em cortejo para benção do padre. O tempo na espera era compensado pela troca de olhares e sorrisos cúmplices. A mão fria que tocava a fronte dos bebês não era capaz de acordá-los.

Moons and Junes and ferris wheels, the dizzy dancing way you feel as every fairy tale comes real: I've looked at love that way. But now it's just another show. You leave them laughing when you go. And if you care, don't let them know, don't give yourself away. I've looked at love from both sides now, from give and take, and still somehow it's love's illusions I recall. I really don't know love at all.

E deixei o meu playlist tocando. Nada era mais tão semelhante a o que ouvia a três meses atrás. Pouca coisa se repete agora, só alguns fiapos que ligam hoje e ontem. Mas que ainda quero manter para lembrar de velhos amigos. E manter a referência para reinventar o dia.

Tears and fears and feeling proud to say "I love you" right out loud, dreams and schemes and circus crowds: I've looked at life that way. But now old friends are acting strange, they shake their heads, they say I've changed! Something's lost but something's gained in living every day. I've looked at life from both sides now, from win and lose, and still somehow it's life's illusions I recall. I really don't know life at all.

E me restou Joni Mitchell, Both Sides Now.

5 comentários:

Before Sunrise disse...

AMO Joni Mitchell e essa musica. Estou escutando agora...

Adorei esse seu post, tao lindo :)

Before Sunrise disse...

Esqueci de comentar - acho que tudo vale a pena sim, mas sei que tem dias em que parece que nao. Espero que os ceu azul chegue ai bem rapido!!

Caco disse...

SUNRISE - Esta música ficou no meu ouvido o dia inteiro, implicando comigo, me mandando fazer e suplicando por um post. Mas ela merecia. No começo, ela é só uma batidinha no violão, mas aí ela vai ficando mais linda com o tempo, e vira trilha sonora para vida.

Só consegui colocar o link para o goear na segunda-feira.

Se vale a pena ou não, tento esquecer de pensar nisso...

Beijo & stay attentive.

Giovanna disse...

Que lindo este post... As nuvens londrinas podem estar te assombrando,mas certamente estão fazendo muito bem para sua criatividade.

beijos

Caco disse...

GIOVANNA - Obrigado pelo comentário. Acho que tenho que agradecer a Joni Mitchell.
Beijo & stay special.