quinta-feira, 2 de novembro de 2006

Montanha-russa

Amanhã, logo que o sol aparecer no horizonte, irei para a varanda. Com um espelho vou lançar o reflexo do sol sobre onde você está. Este será o nosso sinal. Assim você poderá vir me ver. Assim o visto será carimbado no teu passaporte: para cruzar os sinais fechados, para ignorar os pedestres, para passar pela portaria sem responder perguntas e para subir ao meu apartamento. Sua voz ficará assim guardada. Pois, sim, quero ouvir o que você tem a falar em primeira-mão. Pois saiba que te espero antes que seja tarde demais. Pois saiba que logo eu também vou embora. Em contra-partida, se você me lançar o seu sinal de luz, saiba que irei com gigantesca urgência. Porque, de qualquer forma, a vida da gente é só a imagem de uma montanha-russa.

5 comentários:

before sunrise disse...

sera que se eu lancar um sinal a pessoa vem correndo tb, sem olhar para tras, sem olhar para os lados? Nao custa sonhar...

Caco disse...

Vem.

before sunrise disse...

Are you sure? Vou lancar meu sinal, se eu me decepcionar ja sei quem culpar ;-)

Caco disse...

"Dificuldades e obstáculos provocam e sugerem uma interiorização. Enquanto o homem inferior culpa o mundo e incrimina o destino, o homem superior procura o erro em si mesmo. Em virtude dessa instrospecção, o impedimento externo torna-se para ele uma oportunidade de enriquecimento e aprendizagem." (Interpretação da imagem do hexagrama Chien / Obstrução, no I Ching)

Yes I am sure and do not blame me. ;-P

before sunrise disse...

Ok, ja entendi... :-)